Home » Colunistas » Moisés Souza » Manter o rendimento

Manter o rendimento

Por Moisés Souza
(Colunista)
Manter o rendimento
Esta tem sido a principal dificuldade do Criciúma nos últimos jogos desta série B. Em mais uma partida fora de casa o Tigre mostrou força na primeira etapa, mas apresentou queda na segunda.

Pela posição de ambas as equipes na tabela (Ceará e Criciúma), o time cearense tinha certo favoritismo, o que não significa que o Criciúma não poderia conquistar um melhor resultado. O primeiro tempo mostrou isso. O time começou bem o jogo, mostrando que mesmo fora de casa a equipe pode apresentar força ofensiva.

Foram dois jogos que a equipe apresentou dificuldades na segunda etapa. Contra o Luverdense em casa (empate em 2 a 2), a equipe também teve pontos de fragilidade na segunda parte do jogo.

Após o jogo com Vila Nova, quando o Tigre venceu por 3 a 2, na décima primeira rodada, foram cinco jogos, com três empates e duas derrotas. Para quem pretende estar na elite de nosso futebol em 2017, estes números preocupam bastante.

A essa altura da competição a equipe está vivendo um momento complicado, claro que é possível reverter esse quadro e buscar uma reação, mas não é possível afirmar com firmeza que essa reação inicie já no jogo contra o Paraná. Essa é a resposta que torcedor quer, mas que só Tigre pode dar.

Qual será o motivo?
Temos acompanhado a falta de público em nossos estádios pelo país. Fator que afeta também o amador. Acompanhamos nesse domingo, dia 17, a partida entre Jaqueline Tereza Cristina e Barão, no Módulo Esportivo de Içara, vitória do Barão por 1 a 0.

Porém, o que mais chamou nossa atenção foi à fraca presença do público. Sou do tempo em que as tardes de domingo eram cheias em nossas praças esportivas. Infelizmente não é mais assim. Nossos campos estão vazios, tanto no profissional, quanto no amador. E aqui a dúvida. Será que possível encontrar o caminho para voltarmos a ter prestigio em nossos jogos?

Ótima semana leitor.

Publicado 18/07/2016 às 21:36 Horas

Comentários

Seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios são marcados *

*

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>